Eles costumam ter estampas aleatórias e estar desconectados das histórias das páginas que marcam. Alguns, pecado, até estragam os livros! Acho que por isso gostei tanto dessas idéias de Igor Udushlivy. Ele fez marcadores de páginas e capas alternativas, que tem a ver com as histórias dos livros. O resultado?

Alguns dos outros livros que ganharam capas e marcadores são “Alice no país das maravilhas”, “O Pequeno Príncipe” e “Moby Dick”. A galeria completa está aqui.

* Obrigada à minha amiga Raissa por compartilhar esse link no Google Reader.